quinta-feira, 30 de julho de 2015

DÁRIO SANTO REFORÇA SC MARINHENSE

Depois de duas épocas em Valado dos Frades a representar o BIR, Dário Santo está de regresso a uma casa que bem conhece para reforçar o SC Marinhense que irá disputar o Nacional da III Divisão.

Foto: SC Marinhense

Dário Santo de 24 anos, apesar de novo na idade é já um veterano na experiência, com passagem pela I Divisão em representação do SC Tomar. O atleta iniciou-se no mundo do hóquei no EMBRA como Infantil-A tendo permanecido pela Marinha Grande até à época 2007/2008 altura em que ingressou no Sporting CP como juvenil. Representa os Leões até ao escalão de júnior em 2010/2011 e nessa mesma época transfere-se para a Vila Presépio para representar o S Alenquer B de onde sairia para a Princesa do Nabão para vestir de verde e branco novamente mas desta feita pelo SC Tomar, onde esteve durante três épocas antes de se mudar para o concelho da Nazaré em representação do BIR.

Dário Santo é mais um reforço de peso para a equipa Vidreira que assim e sob a orientação técnica de David "Esteves" Gonçalves começa a ganhar contornos de formação que irá ser apontada aos lugares cimeiros da classificação.

quarta-feira, 29 de julho de 2015

EXPOSIÇÃO DE FOTOGRAFIA SOBRE HÓQUEI EM PATINS EM SINTRA

A Câmara Municipal de Sintra apresenta a exposição "Hóquei em Patins - Pormenores em Memórias Fotográficas" com imagens do acervo iconográfico digital do Arquivo Municipal de Sintra. A exposição decorre nos claustros dos Paços do Concelho, entre 31 de Julho e 28 de Setembro.


A autarquia apresenta um novo apontamento expositivo de memória do século XX,  numa clara intenção de dar a conhecer e recordar, através da fotografia, registos humanos, sentimentos e verdadeiros olhares sobre a Sintra do nosso quotidiano, utilizando, uma reportagem do fotógrafo José Miguel Figueiredo de três jogos do Hockey Club de Sintra, realizados no Pavilhão de Monte Santos, em outubro de 2006, nos escalões de seniores, iniciados e infantis.

A vintena de imagens expostas não proporcionam, apenas, “pedaços” da História Sintrense que descrevem e assinalam cenários de jogos de hóquei em patins, transmitem também sentidos e estados de alma, na paixão de ser e viver esta modalidade desportiva, através do exemplo das envolvências humanas retratadas.

Esta exposição pretende viver a tradição da patinagem e a história associativa sintrense a ela ligada, a qual se encontra repleta de exemplos passíveis de emoldurar as galerias da memória, através das experiências proporcionadas pelos acontecimentos e pelos seus intervenientes. 

Fonte: CM Sintra

terça-feira, 28 de julho de 2015

ORLANDO FERNANDES TROCA MAÇÃS PELO VIDRO

Orlando Fernandes que representou o Alcobacense na passada temporada está de saída da Capital da Maçã, rumo à Capital do Vidro para representar o SC Marinhense, segundo informou o clube Leonino na sua página oficial.

Foto: SC Marinhense

Orlando Fernandes actualmente com 35 anos chegou a Alcobaça na época 2013/2014 vindo do AC Sismaria, tendo-se revelado um atleta de referência no clube Alcobacense, fruto da sua qualidade técnica e da sua vasta experiência que conta com passagem pela I Divisão ao serviço do SC Tomar.

Recorde-se que é o regresso a casa do atleta que representou o emblema da Marinha Grande nas temporadas de 2000/2001, 2003/2004, 2004/2005, 2005/2006 e 2006/2007 e a primeira aquisição divulgada após ter sido revelado que David "Esteves" Gonçalves seria o técnico dos "Vidreiros" para a época 2015/2016.

ANA BEATRIZ VENTURA CONQUISTA O OURO

A atleta da Casa do Benfica do Entroncamento em representação da Selecção Nacional conquistou esta tarde em Dijon - França no decorrer da Taça da Europa de Patinagem Artística a medalha de ouro.

Foto: Plurisports Patinagem Artística

Beatriz Ventura a participar em Cadetes terminou ontem o programa curto na 2ª posição. Hoje e com uma exibição de luxo conseguiu chegar à 1ª posição deixando na 2ª e 3ª posição duas patinadoras Italianas e as mais fortes adversárias nesta Taça da Europa.

segunda-feira, 27 de julho de 2015

DAVID "ESTEVES" GONÇALVES AO LEME DO SC MARINHENSE

Esteves como é conhecido no mundo do hóquei em patins, abraça agora a carreira de técnico e ao leme do seu emblema o "SC Marinhense".


Começou a carreira desportiva na patinagem artística mas a paixão pelo hóquei falou mais alto tendo representando clubes como o BIR, SC Marinhense, Alcobacense CD e Sporting de Tomar.

A noticia de que David Gonçalves será o novo técnico do SC Marinhense e a constituição do plantel às suas ordens pode ler lida na página oficial do clube e transcrevemos de seguida;

«O Sporting Clube Marinhense, secção de Hóquei Patins, informa que David Gonçalves irá assumir as funções de treinador principal da equipa sénior de Hóquei Patins em 2015/2016.

Relativamente à composição do plantel, estão já a asseguradas as renovações dos atletas Pedro Botas e Tiago Barros. Relativamente à composição do restante plantel existirão novidades em breve e a direção encontra-se a trabalhar para poder dotar a equipa de atletas que possam formar um grupo competitivo, tendo em conta o campeonato que se avizinha

domingo, 26 de julho de 2015

RUI TABORDA FOI O MELHOR CLASSIFICADO

A época 2014/2015 chegou ao fim e o Conselho de Arbitragem da FPP divulgou as classificações Rui Taborda foi o melhor classificado no que aos árbitros do Ribatejo diz respeito.


O CRAHP do Ribatejo conta com cinco árbitros nos Nacionais, Teófilo Casimiro no Quadro A e Rui Taborda, António Gameiro, Hélder Pardal e Luís Nunes no Quadro B, e foram estas as classificações dos "Senhores do Apito Ribatejanos":

  • 28º - Rui Taborda
  • 29º - Teófilo Casimiro
  • 44º - Helder Pardal
  • 69º - António Gameiro
  • 70º - Luís Nunes

Numa classificação que engloba 84 árbitros, Jaime Vieira - Alentejo (Quadro A) foi o 1º classificado a nível Nacional e Cláudia Rego - Minho a 5ª classificada e a 1ª do Quadro B. Na ultima posição ficou David Barros (Quadro B) de Leiria, ao passo que Cidalino Lamosa - Setúbal na 54ª posição foi o ultimo do Quadro A.

sábado, 25 de julho de 2015

ANA BEATRIZ VENTURA PRESENTE NA TAÇA DA EUROPA

A patinadora Ribatejana Ana Beatriz Ventura foi seleccionada para representar a Selecção Nacional de Patinagem Artística que vai disputar a Taça da Europa da Modalidade em Dijon, França.

Foto: Ana Beatriz Ventura

A atleta da Casa do Benfica do Entroncamento, que nasceu para a modalidade no União FE  sob a orientação da treinadora Quina, vai estar presente em Livres Individuais no escalão de Cadetes que tem as exibições marcadas para dia 27 e 28 de Julho.


A selecção nacional parte amanhã para França onde até dia 31 se disputa a Taça da Europa e pode acompanhar a competição através do site oficial Taça da Europa 2015.

"NÃO FICAREI POR AQUI..."

Jaime Vieira, antigo árbitro de futebol e de futsal, modalidades que há cerca de 16 anos trocou pelo hóquei em patins, é o “árbitro do ano” do Conselho de Arbitragem da Federação de Patinagem de Portugal.


O bejense Jaime Pedro Serra Vieira, 49 anos, árbitro internacional de hóquei em patins desde 2008, acaba de ser eleito “árbitro do ano”. Desiludido com a falta de oportunidades no futebol, abraçou o hóquei em patins em 1999. Cinco anos depois ascendeu à primeira categoria nacional e em 2008 foi promovido a internacional. Um percurso bem-sucedido com seis presenças em jogos do Campeonato da Europa, 14 jogos da Taça CERH e mais seis prestigiantes participações internacionais, entre as quais o Europeu e o Mundial Feminino, o Europeu Sub/17, a “Womens Cup” e o Troféu José Eduardo dos Santos. Nesta época acaba de ver reconhecido o seu mérito: “Todos os anos lutava por isso, mas sem chegar ao lugar que todos almejam, por isso foi com alguma supressa que este ano, embora soubesse que as coisas me tinham corrido bem, mas correm sempre melhor aos outros. Mas este ano correu--me tudo melhor a mim”, confessou Jaime Vieira ao “Diário do Alentejo”.
O hóquei em patins já lhe deu o reconhecimento que não teve no futebol, modalidade onde foi árbitro muitos anos?
Sim, embora no futebol nunca tivesse andado em provas nacionais, apenas apitei futsal a nível nacional. Infelizmente, no futebol de 11, não consegui, porque estava à frente do conselho de arbitragem uma pessoa que não apostava em mim, pensava que eu não faria as provas e, por causa dele, abandonei o futebol. No hóquei em patins as coisas correram de outra forma.
Que virtude tem o hóquei em patins que não reconhece no futebol?
O hóquei não está muito distante do futebol, quando tentamos chegar ao topo de qualquer coisa. Há muitos interesses, embora no hóquei, porque movimenta muito menos dinheiro, as coisas não se notem tanto, mas existem. Os “amigos” existem no hóquei, como existem no futebol. E nós temos de saber distinguir quem são os nossos verdadeiros amigos. 
O hóquei é uma modalidade mais concentrada no norte e centro do País, mas o Jaime Vieira provou que a sul também existe mérito?
No sul só temos equipas de 1.ª divisão em Lisboa, daí para baixo só 2.ª divisão e não são muitas, é o Sesimbra e o Grândola. O hóquei está mais enraizado no norte, o que não quer dizer que os árbitros do sul não consigam lá chegar, só que, por exemplo, eu faço 50 jogos por época e os juízes do norte fazem 100. A diferença é essa.
Essa variante aplica-se também aos jogos internacionais?
Claro, infelizmente para mim, as coisas mudaram um pouco. Antigamente quem pagava aos árbitros eram os clubes, agora quem paga é o Comité Europeu de Hóquei em Patins (CERH) e, na verdade, um árbitro do Alentejo fica mais caro à organização do que um de Lisboa, por isso, eles fazem quatro jogos enquanto eu faço dois, mas já estou mentalizado que as coisas são assim e não se vão alterar.

Foto: Cris Arisa

O que mais espera da arbitragem até ao final da carreira?
O meu grande sonho é estar num campeonato do mundo de seniores masculinos. Já estive num feminino, mas o sonho mantém-se, apitar uma final do campeonato do mundo, o topo da carreira de um árbitro, é algo que eu persigo. Não desisto, faltam-me mais cinco ou seis anos, ainda restam dois campeonatos. 
Isso é algo que esteja ao alcance de um árbitro filiado numa associação do interior do País?
O problema é exactamente esse. Em termos de igualdade sabemos que as hipóteses são poucas mas, no meu caso, com o primeiro lugar deste ano e se, para o ano, ficar em primeiro ou segundo, talvez as pessoas se vejam na obrigação de me nomear, porque, nos últimos seis ou sete mundiais, estiveram árbitros de Lisboa, Porto e Minho. Nas classificações deste ano, sendo eu o primeiro, só aparece um árbitro fora destes três conselhos regionais no 30.º lugar, isso é relevante. 
A distinção deste ano não limita a ambição, nem diminui a dimensão do sonho?
Sem dúvida. Na próxima época entrarei com maior responsabilidade, mas não ficarei por aqui em termos de objectivos, há dois anos que fico em primeiro lugar nas provas técnicas, já me estou a preparar também para as provas físicas, não desistirei de trabalhar para atingir a tal final de um mundial.
Tem um filho que é árbitro de futebol (Bruno Vieira). Já o desafiou a trocar a carreira pelo hóquei em patins?
Ele tirou o curso, mas o hóquei não tem nada a ver com o futebol, repare, se eu for a Lisboa apitar um Benfica-Sporting, o meu prémio de jogo é de 70 euros. O meu filho está no Campeonato Nacional de Seniores e em cada jogo que apita tem um prémio de 330 euros. Isto explica tudo. 

Texto e foto Firmino Paixão in Diário do Alentejo

quinta-feira, 23 de julho de 2015

FREDDY NEVES TROCA LEÕES POR ÁGUIAS

O Ribatejano Frederico "Freddy" Neves deixa o Sporting CP clube que representou nos últimos oito anos e assinou pelo SL Benfica.

Foto retirada do Facebook de Frederico Neves

O jovem atleta que iniciou a modalidade representando o HC "Os Tigres" segue agora alguns anos volvidos o percurso do seu primo Diogo Neves que igualmente saiu do emblema de Almeirim para o Sporting CP, tendo depois assinado pelo Benfica.

É o próprio atleta que na sua página do Facebook informa da mudança de emblema com um texto onde agradece ao Sporting a forma como foi tratado no Reino do Leão e faz referência ao seu palmarés.

Agora no 2º ano de Juvenil e chega ao SL Benfica para continuar a sua formação e na primeira foto publicada na sua página de Águia ao peito deixou estas palavras «Começou hoje um novo ciclo na minha carreira desportiva, é com enorme orgulho que vou abraçar este novo projecto. À semelhança daquilo que sempre fiz, prometo dar tudo na busca de novas conquistas. Obrigado a todos aqueles que estiveram comigo»

HAVERÁ SENIORES EM SANTA CITA???

Existem rumores e a Direcção da ACR Santa Cita não fez publicamente qualquer referência ao facto, mas pelo "mundo do hóquei" são várias as pessoas algumas com ligações próximas do clube da Aldeia Ribatejana do hóquei em patins que afirmam que não haverá equipa sénior na época 2015/2016.

Foto de arquivo: Carlos Emídio Martins

A equipa da ACR Santa Cita disputou a III Divisão Centro na época passada tendo terminado num modesto 7º lugar, quando no inicio era apontada como uma das candidatas aos lugares de topo. Recorde-se que no historial da ACR Santa Cita está gravado a letras douradas a subida da equipa sénior à I Divisão em 1990.

No entanto e apesar de carecer de confirmação, alguns dos jogadores que na passada época representaram a ACR Santa Cita, podem estar de saída  para outros clubes, mas se levarmos em consideração as palavras de Nuno Ferreira, presidente da colectividade que aos microfones da Rádio Cidade de Tomar disse que o objectivo era uma equipa sénior constituída apenas por jogadores da formação, o facto da saída de alguns jogadores, não será impeditivo para que o popular clube do concelho de Tomar não esteja representado no Nacional da III Divisão na próxima época.

Ficamos a aguardar confirmação ou desmentido por parte da Direcção da presença da ACR Santa Cita no Nacional, e em caso de participação as eventuais saídas/entradas e datas do inicio dos trabalhos.

terça-feira, 21 de julho de 2015

CONVOCATÓRIA PARA ESTÁGIO FINAL DE SUB-20

De acordo com o Plano Anual das Selecções Nacionais, a Federação de Patinagem de Portugal vai levar a efeito o Estágio Final da Selecção Nacional Sub-20 de Hóquei em Patins que vai participar no Campeonato do Mundo, competição que se realizará de 19 a 26 de Setembro, em Vilanova, Espanha.

Foto de arquivo: Marzia Cattini

A primeira de três semanas de preparação terá lugar de 31 de Agosto a 4 de Setembro, em Vila Franca de Xira (Pavilhão da UD Vilafranquense), local que também receberá a segunda semana de treinos. Depois, para os últimos dias de preparação antes da partida para Espanha, a comitiva irá trabalhar no Municipal do Luso.

CONVOCADOS
  • Miguel Silva (GR, HC Turquel)
  • Tiago Rodrigues (GR, UD Oliveirense)
  • Pedro Freitas (GR, AD Valongo)
  • Diogo Seixas (FC Porto)
  • Gonçalo Nunes (SL Benfica)
  • Álvaro Morais (AD Valongo)
  • Luís Melo (AD Valongo)
  • Gonçalo Pinto (SL Benfica)
  • Miguel Vieira (OC Barcelos)
  • Carlos Loureiro (HC Braga)
  • Diogo Casanova (FC Porto)
  • Pedro Batista (HC Turquel)


Seleccionador Nacional: Luís Duarte


Portugal é o actual detentor do título de Campeão do Mundo Sub-20 de Hóquei em Patins, tendo vencido a competição que em 2013 se realizou em Cartagena das Índias, na Colômbia. Recorde-se, ainda, que a Selecção Nacional venceu a última prova deste escalão – o Campeonato da Europa’2014 – que se realizou em Valongo e onde os Sub-20 portugueses somaram o quarto título europeu consecutivo.

Informação: Gabinete de Imprensa da FPP

segunda-feira, 20 de julho de 2015

RIBATEJANO FREDDY NEVES NO ESTÁGIO FINAL DOS SUB-17

Nuno Ferrão, seleccionador nacional de Sub-17 revelou esta 2ª feira o nome dos 12 convocados para o estágio final tendo em vista o Campeonato Europeu que se disputará no Luso de 06 a 12 de Setembro.

Foto de arquivo: Focale 8


O atleta Leonino nascido para o hóquei em patins no HC "Os Tigres" de Almeirim continua assim a ser presença nos estágios das selecções nacionais e certamente tendo em conta a sua qualidade um dos 10 eleitos da Nuno Ferrão para representar a selecção das Quinas.

São estes os doze convocados para este estágio final que decorrerá em três semanas com inicio em 17 de Agosto no Pavilhão Municipal do Luso:

  • Rui Mendes (GR, AD Valongo)
  • Alejandro Edo (GR, CI Sagres)
  • Luís Costa (GR, AD Barcelos)
  • João Lima (FC Porto)
  • Joaquim Ferreira (AD Valongo)
  • António Trabulo (HC Braga)
  • Frederico Neves (Sporting CP)
  • Gonçalo Neto (ED Viana)
  • Tomás Pereira (AD Valongo)
  • Xavier Pinho (AD Valongo)
  • Carlos Ramos (AD Valongo)
  • Hugo Santos (AD Valongo)


Seleccionador Nacional: Nuno Ferrão

Portugal, que já conquistou o Campeonato da Europa Sub-17 por 12 ocasiões, vai procurar, no Luso, repetir a vitória de 2013 (Alcobendas). Recorde-se que na última edição da prova – Gujan-Mestras’2014 – a Selecção Nacional terminou no 3º lugar.

sábado, 18 de julho de 2015

ZÉ COSTA REFORÇA SUB-20 DO SPORTING

Zé Costa ex-HC Turquel está de saída dos "Brutos dos Queixos" para reforçar a equipa Junior (Sub-20) do Sporting CP.

Foto: Carmo Honório Santos

Conhecendo até agora apenas o emblema da Aldeia Portuguesa do Hóquei em Patins, Zé Costa vê agora os estudos serem o principal motivo para a troca de emblemas, e foi na sua página do facebook que o jovem atleta explicou a mudança e agradeceu ao HC Turquel.

«É oficial, na época que se avizinha não irei representar o Hóquei Clube de Turquel. Vou prosseguir com os estudos na cidade de Lisboa, e como tal juntamente com a minha a família decidi que o melhor para mim de forma a conciliar a vertente escolar com a vertente desportiva seria jogar no Sporting Clube de Portugal que me deu uma grande oportunidade e que desde já agradeço pela confiança depositada.

Foto: Carmo Honório Santos

Comecei no HCT à cerca de 14 anos, durante todo este tempo foi a minha casa, foi a minha família, muitos dos meus melhores amigos fi-los graças ao clube. Mil obrigados não chegam para pagar a dívida que tenho ao HCT, esta família ensinou-me tudo o que precisava para ser um bom atleta e ainda mais importante tornou-me na pessoa que sou hoje!

Quero agradecer a todos os que estiveram comigo neste longo percurso, desde colegas de equipa, a treinadores, delegados, coordenadores enfim, a toda esta família que terá lugar eterno no meu coração.

"Deixo a minha casa na esperança de um dia voltar"

Obrigado HCT»

HC SANTARÉM "PESCA" EM ALMEIRIM

O HC Santarém reforçou a sua equipa de Infantis (Sub-13) chegando a acordo com dois jovens atletas que na passada época representaram o HC "Os Tigres" de Almeirim.

Tiago Catrola

Tiago Catrola e Diogo Tomás são os novos elementos da equipa Escalabitana e que irão dar o seu melhor em prol do emblema da capital Ribatejana, trazendo os ensinamentos adquiridos enquanto patinaram de "Tigres" ao peito.

Diogo Tomás

Recorde-se que os Infantis do HC Santarém terminaram a 1ª fase do Regional em 2º lugar na Série A, logrando o apuramento para a 2ª fase onde na Série H lutaram por um lugar nos Nacionais, tendo terminado na 9ª posição logrando o apuramento para o Nacional da categoria, onde englobados na Zona Sul - C alcançaram a 5ª posição com 9 pontos.

Fotos: HC Santarém

VEM FAZER PARTE DE UMA EQUIPA VENCEDORA

O SL Benfica leva a efeito de 20 a 24 de Julho treinos de captação de atletas de Sub-20 para a sua equipa feminina.


Os treinos decorrerão no Pavilhão Fidelidade no Estádio da Luz entre as 15:00 e as 18:00 horas.

quinta-feira, 16 de julho de 2015

JORGE GODINHO CONTINUA NA SENDA DOS TÍTULOS

Começam a faltar adjectivos para qualificar a prestação de Jorge Godinho enquanto treinador,  e os sucessivos títulos nos escalões de formação e alguns em seniores são disso o exemplo.

Foto: Nuno Sousa

Esta época mais um a somar ao seu palmarés com a conquistas do Nacional de Juniores (Sub-20) onde se juntaram ao técnico Ribatejano, quatro atletas igualmente Ribatejanos, oriundos do SC Tomar onde se tinham sagrado campeões nacionais de Juvenis (Sub-17) sob a batuta de Pedro Nobre. Fomos até à Princesa do Nabão ter com Jorge Godinho para uma entrevista que se justifica pelo trajecto vitorioso que tem vindo a traçar ao longo da carreira.
CA - Boa tarde Jorge, obrigado pela disponibilidade. Que balanço fazes desta época no que à equipa de Juniores diz respeito?
JG –Viva Francisco. De fato foi uma época bem conseguida. Fomos campeões distritais e campeões nacionais de sub-20,  objectivos que tínhamos traçado no inicio da época. A juntar a estes títulos tivemos uma presença muito boa,muito digna no campeonato nacional da 2ª divisão de seniores com um 3º lugar muito interessante. Vencemos também alguns torneios durante a época como foi os casos de Alenquer, Almeirim e o prestigiado Torneio de Tomar.
CA - Num final-four onde tinham adversários de renome da modalidade, conseguem chegar ao final com um percurso quase imaculado (apenas um empate em casa do eterno rival). Como se consegue manter este nível até final, numa época que é bastante longo e com níveis de exigência elevados?
JG –Sim foi uma época bastante desgastante. Fizemos entre jogos oficiais e jogos treino cerca de 82. Juntando mais 151 unidades de treino. Mas o que é importante é que chegamos á altura das decisões com a equipa muito bem fisicamente, motivadissima..e com um desejo enorme de recuperar este titulo perdido o ano transacto. Sabemos que passamos o ano sempre a trabalhar e que tudo se decide nesta fase final. Conseguimos passar sempre com êxito todas as fases do nacional..sempre em 1º lugar.. juntando a isso a experiência ,maturidade, rodagem que uma 2ª divisão nos deu, chegamos à ultima fase com muita confiança do nosso valor..muito equilibrados em termos de equipa..sabendo o que fazer nas 3 fases de um jogo(a vencer,empatado e a perder)..e isso fez com que vencêssemos este titulo .Passamos por momentos difíceis..mas mesmo aí a equipa soube ser solidária,coesa e com uma grande alma. Foi muito bom ver o crescimento que esta equipa teve durante esta fase final.
CA - Qual a tua opinião acerca deste novo modelo de apuramento de campeão nacional, onde jogam todos contra todos, em detrimento da normal F4 onde um "dia não" hipoteca uma época?
JG – Foi muito benéfico. É mais justa. Dá para ver qual a mais regular. As antigas F4 eram muito cruéis para quem perdia numa meia final. São muitos nervos que se apoderam nos atletas,muita ansiedade..e se calhar não premeia a melhor equipa. Por outro lado dá oportunidade aos atletas pisarem palcos que nunca pisaram.Passar toda a formação sem pisar um pavilhão da Luz, Barcelos, Porto é muito aborrecido. E assim dá para sentirem a adrenalina que é jogar num campo rival. Uma F4 em que joguem todos contra todos também merece aprovação. Bem como um campeonato a 8(4 do norte +4 do sul).
CA - Neste equipa de Juniores estão quatro jogadores oriundos do SC Tomar (Tiago Godinho, Pedro Martins, Carlos "Carlitos" Silva e o Gonçalo Domingues) que voltaram a saborear um campeonato nacional. Esta é a confirmação que em Tomar se trabalha bem nos escalões de formação (aliás como é sabido) e caso este quarteto se mantivesse nas margens do Nabão juntos com os outros atletas que se sagraram campeões nacionais em Sesimbra, poderia agora estar-se em Tomar a celebrar o titulo nacional de juniores?
JG – O Sporting Clube de Tomar é um clube que tem feito um trabalho extraordinário na formação. Quando se aplicou o projeto do Paço de Arcos, na altura tinha Paulo Baptista como seu coordenador, a qualidade da formação foi crescendo. Curiosamente foram estes e outros que deram inicio a esse trabalho. Lembro me que estes atletas tiveram uma evolução gradual, com vários treinadores (Pedro Nunes, Paulo Lopes, Nuno Lopes e Pedro Nobre) cada um com a sua quota parte..e foram crescendo duma forma sustentada. O titulo nacional de Juvenis foi um processo natural, com muito trabalho..e que foi potenciado pelo Pedro Nobre. Maia a mais sendo um clube da “província”o êxito ainda foi maior.

Se esta equipa voltaria a ser campeã? Varias equações se colocariam agora..uma delas era o factor surpresa,que já não seria tão importante como o foi. Agora penso que tiveram e continuaram a sua evolução pese embora muitos tenham saído para outros clubes. Na altura a direcção do Sporting de Tomar poderia ter apostado nestes miúdos para uma geração que poderia de ser de 10 anos nos seniores do clube..Houve outras opções que se respeitam..mas penso e sei que o actual treinador de seniores do Sporting de Tomar está a tentar juntar muitos deles o que tornará o clube ainda mais forte.
CA - Sabemos que o Pedro Martins está de regresso a casa, o futuro dos outros três atletas passa por mais uma época de Águia ao peito?
JG – Sim o Pedro Martins está de regresso a Tomar. Um pouco daquilo que referi na questão anterior. O Tiago, o Carlitos e o Gonçalo continuaram a sua evolução..o seu crescimento no Sport Lisboa e Benfica.
CA - Mudando de escalão depois da conquista do Nacional da III Divisão, o SL Benfica "B" de que és tecnico também, fizeram uma época ao mais alto nível terminado na 3ª posição. Que balanço deste desempenho?
JG –Sim de fato foi um campeonato muito bom para nós. Tinhamos o objetivo de continuar o nosso crescimento..fomos campeões da 3ª divisão e queríamos vencer também o da 2ª divisão. Não nos foi possivel..mas não deixa de ser muito positiva a nossa prestação.Jogamos com equipas bastante evoluídas..algumas com jogadores de referencia, com treinadores experientes e de qualidade e isso foi muito benéfico para nós. Jogar em recintos sempre complicados fez com que a equipa desse um salto significativo. No confronto com todas as equipas só o Sporting de Tomar nos foi superior no conjunto dos 2 jogos. Fomos a equipa com o maior numero de golos marcados,tivemos o melhor goleador..e fomos a 3ª equipa com menor numero de golos sofridos. Qualquer modo queremos melhorar para o próximo ano..queremos ser mais sólidos..embora com uma equipa ainda mais jovem já que decidimos que não apresentaremos jogadores de 1º ano sénior (este ano casos de Diogo Rodrigues, Xanoca e Tiago Jorge). Como tal daremos mais minutos a jogadores mais jovem para que possam evoluir com mais regularidade.

Aqueles que criticaram o Benfica por ter entrado nesta competição..aí têm a resposta com a conquista do campeonato nacional de sub-20. Equipa sempre elogiada pelos adversários..mais experiente..Devido a quê? Á participação no campeonato da 2ª Divisão. Curiosamente já vemos outros clubes a seguirem o nosso caminho com equipas B.
CA - Vamos agora falar do futuro. O Jorge Godinho vai continuar a treinar as equipas do SL Benfica, em em caso afirmativo, quais os objectivos para a próxima época?
JG – Só não ficarei no Benfica se o Benfica não o desejar. Não estou no Benfica por vaidade..ou por dinheiro.Estou porque gosto,amo o Benfica..e estou no melhor clube de Portugal. Está tudo definido para o próximo ano. Quero muito continuar no Benfica e continuar o nosso trabalho. Digo nosso..porque no Benfica a palavra que se utiliza é NÒS..e não o eu..! Agora ser treinador do Benfica não é facil..há uma grande responsabilidade. E nisso tenho que destacar um grande dirigente que tenho..o ENG TRINDADE. Tenho aprendido muito com esta pessoa..homem sempre presente..que não nos deixa faltar nada. Mas..rigoroso quando tem de ser. Pessoas boazinhas com palmadas nas costas estou farto delas..agora o ENG TRINDADE diz tudo o que tem a dizer na cara. Pessoas assim é que gostamos. Defender o Benfica sempre em 1ºlugar.

Curiosamente foi a ele que me dirigi o ano passado aquando da perda da F4 em Barcelos com o H.C.Braga e lhe disse..«Eng fui eu que perdi este titulo e não aceito este falhanço devido ás condições que me deu..portanto o falhanço é meu..e deixo o meu lugar vago». Hoje recordo as palavras de resposta do Eng..encorajando me para este ano..e que este ano voltaríamos a ser campeões. Palavras sábias..que eu agradeço profundamente. Durante a época..sempre o pensamento de não poder defraudar esta confiança do meu director.


CA - Antes de finalizar, como vês os escalões de formação no Ribatejo?
JG –Penso que estão a ir no bom caminho. Vejo os clubes com muita atenção na formação. Vejo clubes com todos os escalões dos pequeninos. E isso trará resultados no futuro. Vejo a selecção do Ribatejo a bater o pé a selecções com mais argumentos..vejo clubes a chegarem até ás fases finais..e vejo treinadores que com menos recursos a fazerem bons trabalhos. A participação nos distritais da APL tem ajudado no crescimento. É custoso financeiramente? Sim claro..mas se queremos evoluir temos de nos sacrificar.
CA - SC Tomar e HC "Os Tigres" são apontados como sérios candidatos à subida à I Divisão, tu que conheces bem ambas as realidades e ambos os clubes, concordas com esse estatuto de candidatos?
JG – Sim concordo. O Sporting de Tomar é sempre candidato porque é um historico..tem uma boa equipa..muito bem orientada..como tal será candidata. Os Tigres é um clube especial..se todos torcerem para o mesmo lado é candidato..se houver divisões passará por dificuldades. Haverá mais equipas que podem entrar na luta.
CA - Obrigado Jorge, por mais uma vez concederes uma entrevista a este espaço, e deixo o espaço aberto para alguma mensagem que queiras enviar aos visitantes do Cartão Azul.
JG - Gostava de dar uma palavra ás minhas referencias. São pessoas especiais no meu crescimento e que em todos os titulos faço questão de agradecer.

Na parte da formação refiro-me a Pereira da Silva. Meu treinador nos escalões de formação do Sporting de Tomar,pessoa por quem tenho grande estima e consideração..e só eu sei o quanto foi importante no meu crescimento.

Na parte da competição não posso deixar de dar uma palavra ao Carlos Dantas. É a minha referencia até morrer. Com ele estou sempre actualizado. Muitas das situações em que tenho duvidas..é do tempo em que foi meu treinador que me lembro.

Depois a todos os atletas que tive..Sporting Tomar, Juventude Ouriense, Tigres e Benfica. Sem a ajuda deles era impossível todos os anos vencer algo. Obrigam me a ter soluções para a sua evolução.
Ao Pedro Nunes que como treinador da equipa sénior sempre me ajudou no trabalho de equipa e que permitiu aos jovens terem contacto com a competição ao mais alto nível.

Aos seccionistas..aos pais..reconheço todos os vossos sacrifícios para que nada falte.

Ao Cartão Azul..o meu muito obrigado.

segunda-feira, 13 de julho de 2015

PORTO, VALONGO, BRAGA E BENFICA CAMPEÕES NACIONAIS

Já era do conhecimento geral que a AD Valongo (sub-15) se tinha sagrado campeão nacional antes da jornada dupla deste fim-de-semana, de resto e com vários candidatos os sub-13, sub-17 e sub-20 esgrimiam argumentos para levantarem o caneco.

Foto: David Veiga

Infantis (Sub-13)
O FC Porto a contar por vitórias todos os jogos realizados nas quatro primeiras jornadas sabia que uma vitória em Turquel significava a conquista do Nacional, e a equipa azul e branca não deixou os créditos por mãos alheias e venceu na Aldeia Portuguesa do hóquei em patins a equipa da casa por 3-0 e garantiu a uma jornada do fim o titulo. Na ultima jornada e já com o "caneco na algibeira", os Dragões venceram o SL Benfica em casa dos mesmos por 2-4 terminando a prova com 18 pontos. O HC Turquel com 9 pontos sagrou-se vice-campeão nacional.

Foto: David Veiga

Iniciados (Sub-15)
Com tudo resolvido desde a 4ª jornada, este fim-de-semana acabou por ter uma jornada dupla para cumprir calendário a AD Valongo começou com um empate 1-1 frente ao Sporting CP e terminou com uma vitória frente ao SL Benfica por 2-1, somando 16 pontos, mais seis que o HC Mealhada que conquistou a 2ª posição.

Foto: Carmo Honório Santos

Juvenis (Sub-17)
HC Braga e SL Benfica lutavam ombro a ombro até à ultima jornada, com o SL Benfica no sábado a vencer o HC Braga por 6-4, mas a ficar a um golo de distância da equipa da cidade dos arcebispos que havia vencido na 1ª volta por 5-2. Na 6ª e ultima jornada a equipa do Braga sabia que uma vitória servia para revalidar o titulo e sagrar-se campeão e foi o que aconteceu ao vencerem o Turquel por 3-7. O SL Benfica à espera de um deslize do HC Braga cumpriu a sua missão e venceu a AD Valongo por 7-3, e acabou na 2ª posição com os mesmos pontos (15) que equipa de Braga e o titulo de vice-campeão.

Foto: David Veiga

Juniores (Sub-20)
No escalão mais velho da formação o SL Benfica a jogar em casa e apenas a depender de si próprio, não brincou em serviço e no sábado venceu o FC Porto (unica equipa que ainda poderia chegar ao titulo) por 4-2 e a uma jornada do fim "arrecadou a taça". Na jornada de domingo só para cumprir calendário, a equipa de Jorge Godinho voltou a vencer desta feita o OC Barcelos por 5-2, ao passo que a AD Oeiras venceu o FC Porto pro 5-4 somando a primeira vitória na prova. O FC Porto sagrou-se vice-campeão nacional com 8 pontos, metade dos obtidos pelos encarnados.

domingo, 12 de julho de 2015

CORUJAS PROCURAM JOVENS PARA REFORÇAR EQUIPAS

Os Corujas, Ginásio Clube de Coruche estão a recrutar novos atletas para os escalões Sub13 ( nascidos em 2004 e 2003) Sub15 (nascidos e 2002 e 2001) e Sub17 ( nascidos em 2000 e 1999). 


Se estás interessado (a) em juntar-te a um grupo vencedor, podes contactar-nos através do nosso mail: corujas@iol.pt.

sábado, 11 de julho de 2015

CLÍNICAS DE VERÃO - UM SUCESSO COM 15 ANOS

É já na 2ª feira dia 13 de arranca a 15ª edição das Clínicas de Verão e o sucesso continua de braço dado com este evento e prova disso é os dois primeiros estágios já estarem esgotados e o 3º com poucas vagas ainda em aberto. Luís Duarte e Carlos Pires são os responsáveis e os rostos mais visíveis da iniciativa, mas que conta com muitas caras conhecidas do mundo do hóquei. Fomos ter com Carlos Pires e Luís Duarte para uma curta conversa sobre a edição deste ano.


CA - Bom dia Carlos e Luís. Quais as perspectivas para a edição desta ano?
CP e LD – Olá bom dia, as preservativas são sempre boas, visto que ano após ano tentamos dar algo de novo a todos os inscritos quer em aspectos técnicos, tácticos e de confraternidade e temos conseguido! São já 15 anos de Clínicas e acreditamos que mais um ano vamos conseguir que os atletas inscritos fiquem satisfeitos e voltem no ano seguinte. Apesar de todos os eventos que ocorrem nesta altura do ano desde torneios e férias desportivas idênticas às nossas Clínicas bem como a conjectura económica do país actualmente, estamos extremamente satisfeitos pelas inscrições que temos até ao momento sinónimo do nosso trabalho e confiança que depositam em nós. 
CA - Quantos atletas vai poder desfrutar desta iniciativa e qual a proveniência dos mesmos?
CP e LD – Até ao momento temos cerca de 160 inscrições que muito nos orgulha, e que exige de nós bastante empenho e dedicação. Temos inscrições de atletas do norte, centro e sul de Portugal e graças à parceria Clínicas/FPP/CERH temos três atletas de Israel e um de Andorra.
CA - Com 14 edições já realizadas e a poucas horas do inicio de mais uma edição que balanço fazes desta iniciativa e que contributo tem dado a mesma para o desenvolvimento do hóquei?
CP e LD – O balanço é muito positivo e para o comprovar são as 14 edições anteriores, a ansiedade aumenta a pouco tempo do início de mais uma edição como se fosse a primeira. O nosso contributo é mais um nas diversas áreas do jogo quer técnicas e tácticas e que vai ao encontro de tudo o que os atletas aprendem nos seus clubes com os seus treinadores. Tentamos ensinar/recordar/aperfeiçoar e nunca substituir o trabalho dos nossos colegas treinadores antes pelo contrário valorizamos o seu trabalho e reforçamos que é necessário que sejam empenhados nos treinos dos seus clubes para chegarem o mais longe possível na modalidade. Todos os atletas são receptivos e estão motivados para tudo o que lhes podemos dar. Em suma, tudo pelo hóquei e pelo crescimento destes jovens.


CA - Como é apanágio das Clínicas de Verão, todos os anos figuras de topo do hóquei passam pelas mesmas para partilharem experiências com os participantes. Quem são "as vedetas" desta 15ª edição?
CP e LD – É verdade, ao longo destes anos tem sido inúmeros os atletas e amigos que dão o seu contributo às Clínicas e transmitem os seus conhecimentos e experiencias a todos. Mais uma vez agradecemos a sua disponibilidade e para este ano temos já confirmados,  João Rodrigues (SLB) , Pedro Henriques - GR (SLB), Diogo Fernandes – GR Sub 20 (SLB), Miguel Rocha (SLB), Gonçalo Alves (FCP), Ricardo Barreiros (UDO), André Centeno (SCP), Carlitos (SCP). João Beja (CDPA) e Marlene Sousa (SLB), esperamos ainda a confirmação dos atletas Valter Neves (SLB), Marco Barros – GR (HCT), Pedro Vaz (HCT), Tiago Resende (Candelária SC) e Ricardo Figueira (SCP).
CA – Carlos e Luís obrigado pela vossa disponibilidade, um abraço e que esta edição seja mais um sucesso e deixo o espaço aberto para alguma mensagem que queiram deixar aos visitantes do Cartão Azul.
CP e LD – Em primeiro lugar, agradecer mais uma vez ao CARTÃO AZUL pela oportunidade de divulgar a nossa opinião e especificamente as nossas Clínicas, isto vai ao encontro da excelente parceria desde há uns anos ao qual muito nos orgulhamos de poder ajudar a desenvolver e divulgar a modalidade. Agradecer também a todos os apoios que temos recebido e aos Monitores que são também fundamentais para o desenvolvimento e sucesso das Clínicas de Verão. Por fim dizer a todos os atletas que ainda não se inscreveram que ainda o podem fazer para o 2º estágio (de 20 a 24 de Julho) 3º estágio (de 28 a 31 Julho), nós estamos à vossa espera com muito hóquei e divertimento!

sexta-feira, 10 de julho de 2015

GUARDA-REDES PRECISA-SE

O Grupo Desportivo de Sesimbra por dificuldade em encontrar guarda-redes para a sua equipa júnior, pondera fazer equipa para entrar no Regional de Seniores, aproveitando os seus jogadores juniores e mais alguns jogadores que estejam interessados em representar o Sesimbra nesta competição.

Foto de arquivo: AAC Hóquei

Os possíveis interessados podem contactar através do email artur_pampo@hotmail.com.

quinta-feira, 9 de julho de 2015

SC TOMAR ELEGEU OS NOVOS ÓRGÃOS SOCIAIS

Sporting Clube de Tomar, em ano de centenário, conta com novos órgãos sociais para o biénio 2015/2017.


Nas eleições que se realizaram na noite desta quarta-feira, a única lista a sufrágio mereceu a unanimidade dos 47 votantes. Ivo Santos sucede, assim, a Ricardo Cardoso, sendo que na mesa da Assembleia está Alexandre Correia Leal como presidente, enquanto Carlos Tomaz continua no Conselho Fiscal.

A lista tem 21 elementos, com Assembleia Geral renovada, Direcção, com três elementos, dos órgãos sociais anteriores e conselho fiscal mantém-se.


LISTA SPORTING CLUBE DE TOMAR BÉNIO 2015/2017

ASSEMBLEIA GERAL
PRESIDENTE – Alexandre Correia Leal 
VICE-PRESIDENTE – António Carvalho
SECRETÁRIO – Artur Damásio
SUPLENTE – Carlos da Piedade Silva
SUPLENTE – Anabela Estanquerio

DIRECÇÃO
PRESIDENTE – Ivo Santos
VICE-PRESIDENTE – Hugo Costa 
SECRETÁRIO - Paulo Pereira
TESOUREIRO – José Maria Pereira
VOGAL - António Costa Marques 
VOGAL – Beatriz Shultz
VOGAL – Joaquim Cunha
VOGAL – Luís Filipe Boavida
VOGAL – Pedro Tavares 
SUPLENTE – Carlos Cabral
SUPLENTE – Guilherme Silva 
SUPLENTE – Ricardo Rodrigues

CONSELHO FISCAL
PRESIDENTE – Carlos Tomaz
SECRETÁRIO – Afonso André
RELATOR – Paulo Bragança
SUPLENTE – Miguel Cristovão

quarta-feira, 8 de julho de 2015

HA CAMBRA VAI A ELEIÇÕES

"Um Cambra de primeira" vai a eleições na próxima sexta feira dia 10 de Julho de 2015. 


Após uma época de grandes êxitos em todos os escalões a equipa de Vale de Cambra vai a eleições, que decorrerão no auditório da biblioteca Municipal pelas 21:00 horas, esperando o clube a presença de muitos associados para assim discutirem o futuro de clube que como é sabido está de regresso à I Divisão depois de se ter sagrado Campeão Nacional da II Divisão.

ADIADO O 1º ENCONTRO NACIONAL DE MINI-HÓQUEI

O 1º Encontro Nacional de Mini-Hóquei, iniciativa da Federação de Patinagem de Portugal e da Associação Nacional de Clubes de Patinagem, foi adiado para o início de outubro, em data a confirmar.


O Encontro pretende ser uma festa para os mais novos e face à não obtenção de inscrições para que as atividades se realizem, a FPP e a ANACP resolveram adiar a iniciativa que estava marcada para este sábado, 11 de julho, em Vila Nova de Poiares.

Para que seja uma grande iniciativa, a FPP e ANACP decidiram alargar o evento a dois dias, sábado e domingo, um para cada um dos escalões, proporcionando um maior número de equipas e de jogos entre todos os intervenientes.

O principal objetivo do Mini-Hóquei é permitir às crianças a sua primeira experiência no Hóquei em Patins. A filosofia é simples: não "obrigue" as crianças a jogar um jogo que não seja apropriado para seu desenvolvimento físico e mental, mas altere o jogo dos adultos a servi-las.

Informação: Gabinete de Imprensa da FPP

terça-feira, 7 de julho de 2015

PEDRO NOBRE REGRESSA PARA COORDENAR HÓQUEI JUVENIL

Depois de duas épocas a treinar a equipa sénior do União Futebol do Entroncamento, Pedro Nobre está regresso ao SC Tomar para coordenar todo o hóquei juvenil do clube Nabantino.

Foto de arquivo: Carlos Emídio Martins

Pedro Nobre dispensa apresentações enquanto treinador de equipas jovens e a certificar isso mesmo está o titulo de campeão nacional de juvenis alcançado em 2012 no Pavilhão do GD Sesimbra com o SC Tomar a levar de vencida na final o FC Porto por 4-2 com golos de David Costa (2), Pedro Martins e Tiago Godinho a apontarem os golos Leoninos.

Questionado sobre como está a encarar o regresso ao SC Tomar, Pedro Nobre respondeu assim ao Cartão Azul «Um regresso natural a uma casa que conheço muito bem, e onde espero poder dar o meu contributo e ajudar o hóquei juvenil do Clube a crescer ainda mais», finalizando referindo-se aos objectivos para a nova temporada «Como coordenador um dos principais objectivos passa por reformular toda a parte da iniciação, porque penso ser neste momento o sector onde terá que haver mais e melhor intervenção, depois criar uma estrutura técnica capaz de alcançar os objectivos que vão ser traçados, sabendo que a fasquia está elevada face aos resultados alcançados nos últimos anos, queremos melhorar sempre, e vamos trabalhar nesse sentido

segunda-feira, 6 de julho de 2015

JUVENIS DO SC TOMAR VENCEM INTER-REGIÕES AP LISBOA

O Pavilhão de Alcobaça recebeu nos dias 04 e 05 de Julho a final-four do Torneio Inter-regiões (Sub-13, 15, 17 e 20), numa organização da AP Lisboa e os Juvenis (Sub-17) do SC Tomar conquistaram o titulo nesse escalão.

Foto: António Antunes - T.M. Foto

União FE em Iniciados e SC Tomar em Juvenis e Juniores foram os representantes Ribatejanos no evento. Em Iniciados a jovem equipa Unionista ficou pelas meias-finais ao sair derrotada por 3-12 frente à AD Oeiras. Igualmente pelas meias-finais ficaram os Juniores do SC Tomar que perderam por 2-8 frente ao CD Paço de Arcos.

Em Juvenis a história foi diferente e a equipa Leonina da Cidade do Nabão venceu no sábado o Sporting CP por 3-2 garantindo assim a presença na final frente ao Stuart Massamá que venceu o Nafarros por 5-1. No jogo do titulo, e numa partida bem disputada a equipa do SC Tomar foi mais assertiva e errando menos que o adversário venceu por 2-1 conquista assim mais um troféu para o seu historial.

Para a história desta competição ficam os participantes e os vencedores nos respectivos escalões e o resultado da final:

Infantis (Sub-13) - GD Fabril / HC Sintra / SC Torres e CD Paço de Arcos
  • SC Torres (HC Sintra 3  -  SC Torres 4)


Iniciados (Sub-15) - União FE / AD Oeiras / HC Turquel e HC Portimão
  • AD Oeiras (AD Oeiras 10  -  HC Portimão 3)


Juvenis (Sub-17) - SC Tomar  / Sporting CP / UDC Nafarros e Stuart Massamá
  • SC Tomar  (SC Tomar 2  -  Stuart Massamá 1)


Juniores (Sub-20) - CRC "Os Águias" / HCP Grândola / CD Paço de Arcos e SC Tomar
  • CD Paço de Arcos (HCP Grândola 3  -  CD Paço de Arcos 6)

domingo, 5 de julho de 2015

1º ENCONTRO NACIONAL DE MINI-HÓQUEI

A Federação de Patinagem de Portugal e a Associação Nacional de Clubes de Patinagem organizam, a 11 de Julho, o 1º Encontro Nacional de Mini-Hóquei, no Pavilhão Gimnodesportivo de Vila Nova de Poiares.


Este 1º Encontro contará com a participação de cerca de 150 atletas, com idades compreendidas entre os 4 e 8 anos. O Encontro será dividido em dois escalões: bambis e benjamins, com os primeiros a jogarem durante a tarde e os segundos de manhã. 

O principal objectivo do Mini-Hóquei é permitir às crianças a sua primeira experiência no Hóquei em Patins. A filosofia é simples: não “obrigue” as crianças a jogar um jogo que não seja apropriado para seu desenvolvimento físico e mental, mas altere o jogo dos adultos a servi-las.

Fonte: Gabinete de Imprensa da FPP

sábado, 4 de julho de 2015

CARLOS "CAPI" PIRES DIVULGA CONVOCATÓRIA

A Federação de Patinagem de Portugal vai levar a efeito o estágio final de preparação da Selecção Nacional Seniores Femininos de Hóquei em Patins para o Campeonato da Europa, prova que terá lugar de 24 a 29 de Agosto, em Matera (Itália).

Foto de arquivo: FPP

Este estágio final, que decorrerá no Luso, será repartido por três semanas de trabalho : 3 a 7 de Agosto, 10 a 14 de Agosto e 17 a 21 de Agosto.

ATLETAS CONVOCADAS

  • Alice Vicente (GR, AA Coimbra)
  • Maria Vieira (GR, SL Benfica)
  • Cláudia Vicente (GR, HC Turquel)
  • Ana Ferreira (AA Coimbra)
  • Carolina Gonçalves (AA Coimbra)
  • Inês Vieira (SL Benfica)
  • Marlene Sousa (SL Benfica)
  • Rita Lopes (SL Benfica)
  • Rute Lopes (SL Benfica)
  • Maria Silva (CH Carvalhos)
  • Inês Vicente (HC Turquel)
  • Margarida Alves (AJ Salesiana)


Seleccionador Nacional: Carlos Pires

Fonte: Gabinete de Imprensa da FPP
Titulo: Cartão Azul

PAREDE FC LEVA A EFEITO TREINOS DE CAPTAÇÃO

É já na próxima quinta-feira dia 09 de Julho que o Parede FC realiza treinos de captação nos escalões de Juvenis (Sub-17) e Juniores (Sub-20).


O popular clube da Linha pretende assim atrair mais jovens à pratica da modalidade e enriquecer os seus planteis, tendo em vista os objectivos delineados pela secção de hóquei em patins para a temporada 2015/2016.

Os treinos de captação terão inicio pelas 21:00 horas no Pavilhão Fernando Lopes Graça na Parede.

sexta-feira, 3 de julho de 2015

III ESTÁGIO PARA GUARDA-REDES EM ALENQUER

Nuno Canelas e Paco González estão de regresso ao Pavilhão do S Alenquer B para a realização do III Estágio para guarda-redes.


Depois do sucesso das duas primeiras edições, o guarda-redes português actualmente ao serviço do Hostelcur Gijon HC e Paco González treinador do Cerdanyola CH propõem para este 3º estágio, novos métodos de treino especifico para guarda-redes, variedade de técnicas, posições e exercícios para evolução do guarda-redes entre outras.

No overall do II Estágio, Nuno Canelas deixou estas palavras «Aproveito para frisar o êxito deste estágio tanto no numero de guarda-redes inscritos como na receptividade dos mesmos» disse Nuno Canelas ao Cartão Azul, prosseguindo «queria agradecer a todos eles e aos pais pelo excelente fim-de-semana que passamos, aprendendo todos uns com os outros e desfrutando daquilo que nem todos os guarda-redes têm possibilidade de aprender nos seus clubes», concluindo «saímos deste II estágio a pensar já na 3ª edição».

Foto: Nuno Canelas

As inscrições terminam dia 11 deste mês e podem ser efectuadas através dos seguintes telemóveis/mails:
  • Nuno Canelas: 966657150 / canelas_10@sapo.pt
  • Carlos Garção: 965403274 / carlogarcao@gmail.com

quinta-feira, 2 de julho de 2015

SC TOMAR VAI A VOTOS QUARTA-FEIRA DIA 08 DE JULHO

Sporting Clube de Tomar, em ano de centenário, vai a eleições na próxima quarta-feira, dia 8 de Julho de 2015, pelas 20:30 horas, na cave do pavilhão Jácome Ratton, Travessa da Fábrica da Sola, nº4, Tomar.


A eleição dos novos órgãos sociais para o biénio 2015/2017, conta já com uma lista encabeçada por Ivo Santos na direcção, Alexandre Correia Leal na Assembleia Geral e Carlos Conde Tomaz no Conselho Fiscal.

A lista tem 21 elementos, com Assembleia Geral renovada, Direcção, com três elementos, dos órgãos sociais anteriores e conselho fiscal mantém-se.

Convoca-se, todos os sócios do Sporting Clube de Tomar, para participarem na eleição dos corpos sociais.

LISTA SPORTING CLUBE DE TOMAR BÉNIO 2015/2017

ASSEMBLEIA GERAL
PRESIDENTE – Alexandre Correia Leal 
VICE-PRESIDENTE – António Carvalho
SECRETÁRIO – Artur Damásio
SUPLENTE – Carlos da Piedade Silva
SUPLENTE – Anabela Estanquerio

DIRECÇÃO
PRESIDENTE – Ivo Santos
VICE-PRESIDENTE – Hugo Costa 
SECRETÁRIO - Paulo Pereira
TESOUREIRO – José Maria Pereira
VOGAL - António Costa Marques 
VOGAL – Beatriz Shultz
VOGAL – Joaquim Cunha
VOGAL – Luís Filipe Boavida
VOGAL – Pedro Tavares 
SUPLENTE – Carlos Cabral
SUPLENTE – Guilherme Silva 
SUPLENTE – Ricardo Rodrigues

CONSELHO FISCAL
PRESIDENTE – Carlos Tomaz
SECRETÁRIO – Afonso André
RELATOR – Paulo Bragança
SUPLENTE – Miguel Cristovão