domingo, 4 de Abril de 2010

ORA MARCAS TU, ORA MARCO EU

Em jogo que contou para a 24.ª jornada do Campeonato Nacional da 2.ª Divisão, Zona Sul, o SC Tomar voltou às vitórias depois de dois empates nas jornadas anteriores frente aos seus dois mais directos adversários.
Num encontro onde o SC Tomar tinha pela frente uma das equipas sensação desta prova, o J. Ouriense, equipa jovem mas com valores a despontarem para a modalidade, esperava-se, para além da incerteza no resultado, um jogo emotivo.

E foi o que sucedeu no Pavilhão “Jácome Ratton”, com o muito público presente a ter o privilégio de assistir a um dos jogos mais empolgantes que se assistiram esta época neste Pavilhão Tomarense.
Entrada de leão por parte da equipa da casa que logo aos 4.00” inaugurou o marcador por intermédio Ivo Silva a desviar uma bola dentro da área. Ainda se festejava o golo Tomarense, quando Hélder empata a partida um minuto depois.
O SC Tomar acusou o golo e foi o Ouriense a mandar no jogo a partir dessa altura. Com uma equipa muito certinha e a aproveitar os erros dos Tomarenses, o J. Ouriense adianta-se no marcador, aos 14.00” por Filipe Almeida. A formação de Nuno Lopes não conseguia impor o seu jogo e disso se aproveitou João Filipe para aumentar para 3-1 favorável ao Ourém havia 20.00”. Num contra ataque muito bem delineado por Esteves, este reduz a diferença para 2-3 aos 22.00”. A Equipa Tomarense empolgou-se e a 00.10 segundos do intervalo faz o empate através de Favinha.

Inicio de segundo tempo mais equilibrado, e onde as oportunidades foram escassas por parte das duas equipas. Seria Gonçalo Santos a fazer o 4-3 e a pôr o Sporting novamente à frente do marcador aos 13.00”. Este golo como que agitou as águas, e a partir daí assistiu-se a um jogo de elevada velocidade e onde as oportunidades começaram a aparecer minuto a minuto para as duas balizas. Com o jogo aberto e onde os ataques se superiorizavam às defesas, Pedro Silva aproveita uma bola perdida à entrada da área e anicha a bola no fundo das redes do desamparado Fábio Guerra, repondo assim a igualdade a 5 bolas. Com o Sporting mais balanceado no ataque numa das incursões muitas vezes perigosas, Lomba aproveita uma desatenção da defesa leonina e põem novamente o Ourém na dianteira por 6-5, decorriam 17.00”.

Com o jogo ao rubro numa de parada e resposta, Orlando em jogada individual, põem novamente o Sporting em igualdade no marcador, para gáudio do público afecto ao SC Tomar, estavam decorridos, 18.00”. Com o público a viver de forma intensa as peripécias deste encontro, Esteves numa jogada individual faz o 6-5 para o Sporting aos 19.00”, deixando o Pavilhão em polvorosa. O Sporting tem logo no minuto seguinte a oportunidade de aumentar a diferença após derrube a Orlando dentro da área Ouriense e que Gonçalo Santos na marcação da penalidade desperdiça.
Com o Sporting a forçar o jogo tentando empurrar a equipa do Ourém para a defesa, seria novamente Filipe Almeida aos 21.00” que à meia volta surpreende Fábio empatando a partida, com o público Ouriense a explodir de alegria e a festejar desta feita o golo da sua equipa.

Com o jogo totalmente partido nos últimos minutos do encontro voltaria a ser o Sporting a adiantar-se no marcador decorriam 24.00” através de Favinha, deixando em delírio o público afecto ao Tomar. Seria novamente Favinha a fazer o derradeiro golo da partida, o oitavo para o Sporting, através de livre directo faltavam somente 2 segundo para o apito final.
Vitória justa dos Tomarenses, mas que sofreram a bom sofrer para derrotar a formação Ouriense que em Tomar mostrou o porquê de estar entre as melhores equipas da Zona Sul da segunda divisão.
Com uma arbitragem, que também ela teve altos e baixos durante o jogo e onde algumas das decisões foram contestadas, ora pelo público afecto ao Tomar, ora pelos simpatizantes de Ourém, que sem ser decisiva no desfecho final, acabou também ela por ser um dos motivos para conversa de café durante esta semana, como forma de esmiuçar os lances mais polémicos do jogo.

Crónica: Carlos Emídio Martins
Fotos: Barros Simões

34 comentários:

Anónimo disse...

Uma arbitragem "sem ser decisiva no desfecho final"... Essa é para rir! Esta dupla já encaminhou ao S.C.Tomar 6 pontos nítidos! 3 contra o Stella e outros 3 neste jogo... Quando precisaram principalmente na parte final do jogo a dupla foi "amiga". O Lopes bem podia pagar-lhes umas minis!!!

Adepto de hóquei há 25 anos

Anónimo disse...

Gostava de ver uma crónica deste jogo por alguem que não tivesse ligado a nenhum dos dois clubes..pois a arbitragem so deu para um lado,mas posso ser eu que não percebo nada de hóquei!

Anónimo disse...

Esta crónica tem a qualidade que a arbitragem teve, ou seja péssima.
Como é que os arbitros não têm influência no resultado se o sétimo golo é precedido de falta que seria a décima e livre directo para a J O, mas houve muito mais, foi uma vergonha o que os árbitros fizeram, mas já se esperava que fosse assim.
Depois do que escreveu sobre o jogo de Turquel, este foi bem pior e não compreendo o seu comentário, até parece que o Tomar esteve sempre a carregar e que a maioria dos nossos golos são por falhanços do adversário.
Este jogo foi igual ao que fizeram com o Stella Maris, em que quase tudo era falta de equipa, mas como isso não chegou, tiveram que fazer o forcing final.
Felicidades para o Tomar e com arbitragens destas de certeza que vão subir, é pena não ser com mérito.
Mário Pereira

Anónimo disse...

o que eu vi foi um bom jogo de hóquei, uma boa arbitragem, e o resto são opiniões de adeptos de cada equipa que valem o que valem, pois todos queremos ganhar, ninguem gosta de perder.
por que será que quando se perde seja que equipa for, tem que ser sempre os arbitros?
que eu saiba o arbitro não falha livres directos o arbitro não falha penaltys.
quando se fala nos possiveis erros dos arbitros, digo possiveis porque para muitos pode parecer ou ser faltas ou tudo mais , mas para o arbitro não.
por hoje é tudo.
ernani

Anónimo disse...

Em Sesimbra foi igual,5 livres directos e um penalty!!!E agora um golo a 10 segundos do intervalo e outro a 50 segundos do fim...
Grande Tomar!!!
Ao cólo,mas na 1ª esse é o lema!

Anónimo disse...

claro que isto é muita azia junta, têm memória curta as gentes de ourém.No ano que subiram gostava de ver comentários do sr. mário pereira.Deviam era preocuparem-se em ganhar ao Alenquer em casa na passada semana , aí ninguém falou e quando no sábado a 3seg do intervalo falharam 2 penalties seguidos e inventados nada dizem.Falem da arbitragem do Cascais-Sporting,do Stela Maris -Sporting, do Sesimbra-Sporting ,nem conseguem com tanta azia.Nem falem dos 17 pontos que têm de diferença.Querem antes orçamentos e arbitragens, para mim também serve.
Ass.Marco Pereira

Anónimo disse...

O primeiro comentário é fabuloso, outra vez o Lopes.O clube é muito grande, têm anos de história, quem têm que pagar ou não alguma coisa, não é o Lopes, enfim.Não interessa se é bem ou mal, interessa é que falem no nome da pessoa, será in......, ou ci......, talvez pior ainda.

Anónimo disse...

Em primeiro lugar quero dizer
que hà muito tempo que não assistia a uma partida de hóquei
assim.Ou seja venceu quem não convenceu.Em relação à crónica,
claro... lógicamente tendenciosa.
Queira desculpar,mas não traduz nada do que se passou em campo.
vou tentar ver outra crónica,algures em outro blogue,talvez no okjuve.

Mas é compreensível

Anónimo disse...

Sr. Mário Pereira " não ser com mérito", uma equipa que anda nos dois primeiros lugares desde a primeira jornada , não têm mérito?Têm mais golos marcados, não têm mérito ? foram sempre os árbitros ? E os jogos dos outros não foram os árbitros, ou o sr. viu os jogos todos do campeonato?Não SERÁ da sua parte um comentário bastantae infeliz ? Tam bém é mais um que quer o mal do Sporting Tomar,ai ai ai.Tanto desejamos aos outros que depois caí-nos em casa, enfim.

Anónimo disse...

Será que um campeonato se resume a um jogo e a um treinador ?E os jogadores e o Favinha e o Esteves e o Filipe e o Russo não contam,que dor de c.....,meu deus.

Anónimo disse...

Sesimbra queixa-se dos árbitros do jogo com o Tomar, Sintra igual, Stella Maris nos 2 jogos, j O igual.
Favinha apanhou um vermelho e como é um rapaz bem comportado nem 1 jogo foi castigado, já aconteceu igual com mais algum jogador?
Por que é que esta crónica não relata a verdade e não diz o que se passou em campo?
O blog está conetado com o Tomar, não gosta da J O ou não sabe as regras do hoquei.
Publique o comentário que foi feito antes do jogo e que não quis publicar, pois lá já estava a previsão do que viria a acontecer.

José Augusto - Ourém

Anónimo disse...

Ora marcas tu, ora marco eu e depois marcaram os árbitros.
À ganda Tomar só têm 6/7 jogadores mas têm muitos árbitros.
Assim até são campeões.

Anónimo disse...

ainda bem que o pavilhao estava cheio para todos verem como bonita e gloriosa foi a arbitragem dessa dupla,nao se esqueçam é que para o ano a balança descai para o outro lado,depois quero ler as vossas crónicas dos jogos..eheheh

Anónimo disse...

Quando os jogadores do Tomar reconhecem que tinham de ganhar de qualquer maneira e o Ourém foi prejudicado está tudo dito. Felicidades para as duas equipas.

Anónimo disse...

o sétimo golo do Sp. Tomar é precedido de falta (escandalosa!!) na area do J.O. em que o jogador do J.O. sofre a falta na propria grande area, e ao cair a bola sobra para o Favinha que faz o 7-6..e essa falta sofrida pelo Ouriense seria a décima do Sp. Tomar e consequente livre directo a favor do J.O. .. isto nos ultimos 2 min do jogo..e nessa altura ja o J.O. jogava com menos 1 elemento que levou cartao azul sem que a falta (qual falta?!) o justificasse..enfim..acho triste tambem que blog que visa falar do hoquei ribatejano, e havendo um jogo entre duas equipas do ribatejo, a cronica do jogo seja feita por alguem ligado a uma das equipas em causa..neste caso, uma pessoa ligada ao Sp. Tomar..

Anónimo disse...

Kompensam e Rennie resolvem o problema...

Anónimo disse...

para o comentário dos 6/7 jogadores é meu conselho fazer uma petição na internet, já que é bem notório que os efeitos dessas medidas resultam em pleno, pois a verdade vêm sempre ao de cima.

Anónimo disse...

sesimbra , sintra , stela maris, são jogos que já foram aqui comentados e nunca aqui alguém veio reclamar algo, porquê agora ? Tá a doer não é, não conseguem engolir,aceitem a realidade e já pensaram que amanhã são vocês e depois calam-se.Tanto odio acumulado, tanta inveja junta e se vocês ganhassem como era ? disparavam por todo o lado.
Força TOMAR, coragem e muita vontade de vencer.
ASS.Zé d'ourém

Anónimo disse...

oh senhores de ourem esquecem-se como chegaram á 1º?? eu digo-vos, com PALETES de livres directos que o favinha simulava, os senhores q voces se queixam iam na cantiga, favinha nao perdoava, mas agora ele nao esta em ourem, ja nao acham piada, é assim, a 2 segindos do fim quem falhou on penalty por 2 vezes que ninguem viu?? o arbitro, tiveram mal, muito mal, secalhar o ourem pode-se queixar mais, mas secalhar o tomar nao mereçia ganahr, mas nao fi pelos arbitros que perderam

Anónimo disse...

Meus Senhores,o importante
aqui é que as bravas Gentes
do Ribatejo presenciaram a
um EXCELENTE jogo de hóquei
em patins e com uma moldura
humana bem evidente no pavilhão.
Parabéns SCT e J.O.isto sim,é
que é de louvar o esforço destes
dois grandes clubes,atendendo
aos tempos e ás dificuldades.

Tomar=Ourém

Anónimo disse...

a azia que anda para os lados de ourém é tramada....
dizem por aí (porque ouviram dizer) que o sesimbra foi prejudicado...tiveram lá para ver?? penso bem que não !!!

e o stella?? com o jogo que fizeram em tmr, metade da equipa era posta na rua então!!

o ourem foi prejudicado??
quando o arbitro marca penalty para o ourem precedido segundos antes de uma falta na área do ourem a favor do sct e não foi marcada??

árbitros do ribatejo com um jogo entre equipas do ribatejo é o que dá.

façam o vosso campeonato que estão a ir bem.

isso de entrarem em campo para fazer jogo psicológico para prejudicar a equipa adversária ás vezes sai ao contrário...

na amadora no final do jogo com o sct, os visitados tb se lembraram de arranjar zaragata para ver se havia uns cartões para o sct...saiu ao contrário.

cump

Anónimo disse...

O que se passa não é nada mais que o seguinte, o Ourém simplesmente vinha fazer o jogo do campeonato deles, ganhava e sentiam que tinham ganho o campeonato e não tinham deixado o SCT continuar na corrida pela subida, nada mais simples como isso por isso deram tudo o que podiam neste jogo,mas com garra de leão tal não aconteceu, fomos beneficiados em alguns lances mas o contrário também aconteceu, tenham juizo gentes de Ourém e acabem com essa dor de cotovelo.

José Maria

Anónimo disse...

Sr.josé maria

"sentiam que tinham ganho o campeonato e não tinham deixado
o SCT continuar na corrida pela
subida" acho que ainda vai morder
a lingua,sabe porquê?
Jogos do campeonato já fez o Ourém
há muito tempo,visto que o campeonato tá quase a acabar,e se calhar ainda lhe vai dar alguma
alegriazita.Não são dores,nem tão
azias,são Factos concretos.
O seu palpite tá fora de prazo.

V.F.

Anónimo disse...

A sorte do Tomar e ter jogadores a frente que marcam golos em barda , porque o guarda redes minha nossa, não justifica tantos golos sofridos com uma equipa destas, deveria ser o melhor ataque e a melhor defesa, metade dos golos marcados são sofridos 164 marcados e 88 GOLOS SOFRIDOS È MAIS DE METADE.

Anónimo disse...

Agora vendo bem é verdade, uma equipa que marca tantos golos não pode de maneira nenhuma sofrer tantos golos, basta ver as outras equipas de topo quantos golos tem sofrido por exemplo o OUREM, e equipas que estam mais abaixo, se subirem de divisão bem podem ir buscar outro guarda-redes.

Anónimo disse...

Os arbitros em especial o careca, fizeram um bom trabalho. Defederam o hoquei ribatejano. Para o Ourém não aquece nem arrefece e para o Tomar dá jeito os 3 pontos para ver se sobem.
Durante os jogo os próprios jogadores de Ourém, até nem reclamaram muito.
Mas deu gosto ver um jogo com tanta intensidade, parabéns à duas equipas, aliás às três.

Anónimo disse...

voces que criticam o fabio, ja viram algum jogo do tomar?? de certeza que nao, o fabio tem sido uma grande surpresa pela positiva

Anónimo disse...

a partir do momento que tanto adeptos como jogadores do SCT assumem que foram beneficiados pela equipa de arbitragem está tudo dito.. é normal que com uma dupla de arbitros ribatejanos (pessimos) a apitar um jogo destes uma das equipas ia sair beneficiada..esta cronica esta tem a qualidade que a arbitragem teve, vergonhosa no meu ver, muito tendenciosa.. acho que o empate seria justo..assistiu se a um bom jogo de hoquei, ms podia ter sido ainda melhor se aquelas duas pessoas de amarelo fossem imparciais, o que nao aconteceu..mas o publico começa a habituar se a estas mas arbitragens, o que e' pena..duas equipas com bons valores, mas sem duvida Filipe Almeida o melhor em campo, faz mexer muito o jogo.grande talento. parabens as duas equipas.

Anónimo disse...

Queria apenas deixar aqui algumas palavras sobre este jogo entre o Tomar e o Ouriense. Obrigado, pelo ou grande jogo que as duas equipas me proporcionaram de ver, o melhor da época que vi, simplesmente fantástico, grande grande jogo mais uma vez parabéns aos atletas.

Também queria deixar aqui uma pequena nota ao Sr. Hernâni, que falou muito bem, em defender os senhores árbitros. Quero lhe dar os parabéns pois parece que o senhor agora também é árbitro. Quero ver se o senhor quando tiver de arbitrares o Sporting de tomar nas suas camadas jovens, se também vai ser imparcial. Depois quero ouvi-lo falar assim.

Agora outra palavra para o Sr. Fagulha e por Sr. Taborda, nem sei por onde começar mas aqui vai. Eu não queria dizer que foi uma vergonha porque ouve algumas coisas boas na vossa actuação. Mas 21 falta que o Juventude Ouriense fez e o tomar só 9, senhores árbitros alguma coisa esteva mal. O jogador do Ouriense sofre falta, é pisado no chão a frente do Sr. Árbitro. O Sr. Árbitro não diz nada e ainda por cima o tomar marca golo. Golo, esse que fez diferença. Sr. Taborda os últimos 6 minutos de jogo o Sr. esteve muito mal, mas o recado foi bem dado pelo senhor fagulha parabéns aos dois pela linda arbitragem.
Sou da Juventude Ouriense espero que o Tomar suba……Mas meus amigos tenho pena que seja assim…

J.O

Anónimo disse...

boa tarde.so vejo uma coisa houve jogadores que mexeram sim senhor mas,á um senhor que tem o dom de marcar golos tivessem sido ou nao roubados.so vai a frente dos melhores marcadores.boa tarde.os jogadores de ourem ainda tem de comer muita massa para atingir um valor inquestionavel...vou anda rpor aqui a ver se o conseguem.o campeonato nao se resume a um jogo mas sim a muitos....uma equipa com bons valores como dizem que tem o ourem perde com o alenquer em casa.por amor de deus.pode se classificar os jogadores de ourem como medios jogadores ..agora rotulados de mto bons .espera tou ca para ver.abraço a todos.

Anónimo disse...

Anonimo das 14.39,um guarda-redes com uma equipa como a do Tomar tem que marca tantos golos não pode sofrer tantos, no jogo da taça nos Açores se não fosse susbtituido já eramos, com o Turquel foi o que foi, agora em Sesimbra quatro golos foram bem consentidos por ele nestes jogos é que se vê um guarda-redes, quem sofre por media 3.5 golos por jogo, nesta equipa tem muito para dizer, mas os bons guarda-redes custam dinheiro tudo bem.

Anónimo disse...

pois, mas o fabio tem tido exelentes jogos, ninguem dava nada por ele e ele tem correspondido, o ivo, vinha do benfica, foi internacional, o dantas quiz que ele voltaxe para o benfica..e tambem o vi dar muitos frangos e nao deixa de ser um exelente GR

Anónimo disse...

ok ate posso concordar ctg , mas uma coisa te digo não tem tanto valor como o ivo , o fabio e um bom gr mas o ivo era melhor ....

Anónimo disse...

O Ivo é um bom guarda-redes, mas muito fraco no aspecto psicologico, nos jogos decisivos entra todo mijado e o Fábio menos glamoroso na baliza mas é mais forte psicologicamente e não tem medo do adversário seja ele qual for.
Mas a questão desses senhores de Ourem, alem da grande dor de cabeça que tem em pagar a quem devem, é preçionar um dos elementos mais novos da equipa e mais vulneráveis na sua posição de campo, mas como disse, o Fábio é um rapaz simples e humilde,mas com uma forte estrutura psicológica que o próprio treinador e os seus colegas de equipa cultivam, estando a dar os seus frutos.
Fábio ocupas o lugar mais ingrato, mas sê tu e tu mesmo, que terás muitas alegrias e tambem as darás aos teus amigos do S.C.Tomar.
Comentário de um pai de um guarda-redes da secção juvenil.