terça-feira, 1 de Março de 2011

FAVINHA DÁ "GALO" AO ÓQUEI DE BARCELOS


Na vista a Tomar, a nossa equipa não conseguiu pontuar e perdeu com os locais por 9-5, num jogo onde uma vez mais a finalização foi determinante. Uma partida onde os nossos jogadores criaram muitas oportunidades de golo mas não as concretizaram, ao contrário do Tomar que em cada remate fazia um golo. O OC Barcelos até começou melhor com o golo de Carlos André logo aos 3’. Respondeu o Tomar pelo inevitável Gonçalo Favinha aos 8’. O ritmo de jogo aumentou e o perigo tornou-se realidade em ambas as balizas. Aos 10’ dose dupla desperdiçada pela nossa equipa, com Carlos André a não conseguir superar Fábio Guerra em duas grandes penalidades. Começou aqui o grande motivo que desequilibrou o resultado final. Ainda na primeira parte o Tomar fez mais três golos, um de Favinha e dois de Gonçalo Santos, contra apenas um do Barcelos apontado por Chumbinho., fixando em tempo de descanso o placard em 4-2.

Na etapa final a nossa equipa entrou determinada a inverter o resultado mas teimosamente a bola não conseguia entrar na baliza do Tomar, muito por culpa da exibição do guarda redes Fábio Guerra. Aos 9’ os locais marcaram dois golos seguidos aumentando para 6-2. Um duro golpe na tentativa do Barcelos reagir ao resultado que apesar da diferença no marcador nunca deixou de lutar e dignificar a camisola do maior de Portugal. o desfecho final de 9-5 traduz apenas a eficácia do Tomar, já que dentro do ringue a diferença de valores entre as duas equipas não justifica o desnivelado resultado final. Apenas em frente à baliza é que esteve a diferença. A equipa barcelense apesar de o jogo não estar a ser o melhor não deixou de ser apoiada pelos cerca de quarenta elementos da claque Kaos Barcelense que se deslocaram a Tomar, que só se calaram quando a partida terminou. O Barcelos tem no entanto algumas queixas da arbitragem que não validou um golo limpo à nossa equipa numa altura em que esse tento empatava a partida a duas bolas. Também a amostragem dos cartões azuis a Nuno Félix e Nuno Almeida foram exageradas, já que faltas como as que os nossos jogadores cometeram existem centenas de vezes durante os outros jogos e não são penalizadas disciplinarmente. Apesar da derrota a nossa equipa ocupa a sétima posição com vinte e seis pontos e no próximo sábado recebe o aflito Cascais, no pavilhão municipal às 18h. No final da partida o nosso treinador José Fernandes que regressou ao banco depois dos dois jogos de castigo, considerou que a finalização foi determinante.


Ficha técnica

Pavilhão Jacome Ratton em Tomar
Árbitros: José Pinto do Porto, Gonçalo Correia de Lisboa e Rui Azevedo de Aveiro

Ao intervalo: 4-2
Marcha do marcador: 0-1,1-1,4-1,4-2,7-2,7-4, 9-4 e 9-5

Sp. Tomar 9

Fábio Guerra, Gonçalo Santos (2g), Ivo Silva (2g), Nuno Domingues (1g) e Gonçalo Favinha (3g)
Jogaram ainda: Rui Alves (1g), Orlando Fernandes, João Lomba e David Gonçalves.
Tr. Nuno Lopes

OC Barcelos H.P. SAD 5

Paulo Matos, Nuno Almeida, António Leal, Carlos André (1g) e Jorge Maceda (1g)
Jogaram ainda: Ginho gr, Chumbinho (1g), Samuel Costa e Nuno Felix (2g)
Tr. José Fernandes

7 comentários:

Anónimo disse...

favinha 4 golos, ivo silva 2 golos, o resto está correcto !

Anónimo disse...

favinha 4 golos manel 2 golos ivo 1 golo,gonçalo santos 1 golo e esteves 1 golo assim .é ke esta correcto.abraço a todos

Anónimo disse...

Não o correcto e favinha 4 golos, rui alves 1 golo, manel 1 golo, gonçalo santos 1 golo, esteves 1 golo e ivo 1 golo, assim e que esta correcto.

Anónimo disse...

sim tem razao peço desculpa,obrigado por emendar

Anónimo disse...

ahah tava a ficar engraçada a conversa! E o Fábio quantos defendeu?

Anónimo disse...

olha o fabio pelo ke o teu pai me disse defendeu duas doses e meia

Herlander disse...

Ola boa noite a todos!

Chegados a 2/3 do campenoato, saudo todos aqueles que de uma forma ou de outra tem contribuido para a animação de deste blog em especial ( e não, não sou o gavancho) e do hoquei patins em geral. Particularizando, o s.c. Tomar feito tem aquilo que talvez os mais optimistas não imaginassem, mesmo eu k dava quase tudo para k a manutenção fosse uma realidade, que é, e será concerteza até ao fim.
E portanto para quem disse tanto mal, aproveite e junte essa energia a de quem acredita e certamente que o desejo de todos será concretizado.
Esta na altura de uniar forças, o S.C. Tomar merece uma equipa na 1ª por muito mais do que uma mera temporada, vamos aproveitar o material humano k temos, miracolasamente temos o Favinha que gostemos ou não, tendo em conta a relação preço qualidade é um fenomeno, para quem discorda, consulte os salarios de jogadores de identica capacidade, daqueles que marcam 30, 40, 50 golos por época (esquecendo os 72 da epoca passasa) e compare, depois o gonçalo santos, que quando quer é o motor da equipa, defende e ataca, marca golos, enfim um todo terreno... Grandes guarda redes, que certamente se completam em prol da equipa, cuja competição os mantem mais alerta que nunca...
Não esquecendo o restante plantel, sm o qual o S.C. Tomar não estaria onde está, permito-me destacar a sagacidade do Rui Alves que me estar sub aproveitado, sempre com a reserva de quem não acompanha de muito perto (treinos).
Negas: sofremos muitos golos, alternativa (sim que isto não é como os politicos, aqui pode-se ter opiniao diversa, mas apresenta-se soluções) gonçalo santos para a frente, não é disciplinado tacticamente, e aquisição de dois jgadores que garantam estabilidade defensiva (proxima epoca claro). Pergunta obvia, mas quem? tb não sei é questão de estar atento ao problema e identificar os alvos de acordo com as capacidades financeiras do clube, é para isso que são directores... eu não sou, nem tão pouco sou de tomar, apenas um adepto longiquo.

Abraço a todos e felicidades