domingo, 4 de Dezembro de 2011

ASSIM NÃO UNIÃO...!!!

Se no passado fim de semana apenas o União FE teve razões para "sorrir", desta feita os papeis inverteram-se e só o União FE tem razões "chorar".


Mas começando pela I Divisão, os Tigres encontraram na Ilha Dourada o rumo das vitórias. Frente a um Porto Santo que ainda não venceu esta temporada e envolto em problemas financeiros a equipa de Nelson Lourenço esteve a perder, mas fruto da sua maior qualidade viria a dar a volta ao resultado com dois golos de Gonçalo Favinha e um de Diogo Lã. Com esta vitória a equipa de Almeirim subiu um lugar na tabela classificativa ocupando a 11ª posição com 8 pontos. Na próxima jornada os Tigres recebem no Alfredo Bento Calado a AD Valongo 9º classificado com 9 pontos.


Na II Divisão Sul o SC Tomar regressou às vitórias, derrotando no Jácome Ratton o BIR por 7-3. A equipa de Nuno Lopes que ao intervalo estava empatada a dois com a equipa de Valado dos Frades, melhorou substancialmente na 2ª parte, apurando a eficácia e marcando por mais cinco vezes. Ivo Silva (3), Tiago Monteiro (2) Nuno Domingues e Bruno Januário foram os marcadores de serviço da equipa verde e branca, André Ramos, Luís Silva e Rui Inácio assinaram os golos das equipa do BIR. Com esta vitória a equipa Nabantina subiu à 4ª posição estando a 5 pontos do líder Sporting CP que folgou nesta jornada. Na fim-de-semana o SC Tomar desloca-se até Santa Cita para a reedição do derby do concelho.


A ACR Santa Cita empatou a sete golos em Nafarros, resultado esse que permitiu à equipa de Luís Miguel Cunha sair dos lugares de despromoção por troca com o HC Vasco da Gama. A equipa de Santa  Cita que vinha de uma série de resultados negativos, conseguiu assim um ponto que retira alguma pressão na semana que antecede o esperado derby com o vizinho SC Tomar. Tiago Pereira (3), João Filipe (2) Nuno Nobre e Rui Alves foram os marcadores da equipa de Santa Cita.


Na III Divisão Centro, o União FE voltou a ser surpreendido em casa pelo Vialonga (2-4) num jogo onde a equipa de Barros Simões foi uma sombra do que já mostrou esta época. A equipa alvi-negra esteve apática, sem ideias e entrou no jogo do adversário, foi sobretudo uma equipa a fazer lembrar o pior do inicio da época passada. Ao intervalo a equipa do União vencia por 1-0 golo de Pedro Brazete. Uma 2ª parte de fraca qualidade, aliada a erros defensivos que Bruno Monteiro sobre aproveitar foi o sinónimo de uma derrota justa, perante um adversário que tem em Fábio Guerra e Bruno Monteiro os seus esteios e João Patrício que continua por vezes a esquecer o excelente jogador que é, em detrimento de provocações e lances menos próprios, no entanto e verdade seja dita que foi igualmente um dos pilares da vitória da equipa de Vialonga. Com esta derrota o União caiu para a 5ª posição a 8 pontos do líder AC Sismaria que venceu o HC Lourinhã por 7-3 no jogo de líderes. No próximo sábado o União desloca-se até à Marinha Grande para defrontar o SC Marinhense.

Fotos: António Antunes, Barros Simões, Ricardo Navalho e Jornal da Madeira

1 comentário:

Torcida Negra disse...

Viu-se pouco de trabalho colectivo, jogadas mais construtivas foi na 1º parte, mas a jogar compra três tem que trabalhar mais, a equipa de Vialonga apesar der ser arruaseira tanto no banco como dentro levou avante o resultado para positivo. O arbitro esteve bem no apito, mas deixa se levar com muita conversa sem respeito se fosse com outros era tudo a base do cartão. Vamos a trabalhar para acreditar UFE.