sábado, 21 de Abril de 2012

"PARA MIM É UM JOGO ESPECIAL"

Em semana de jogo grande em Turquel, onde o líder recebe o 3º classificado SC Tomar, o Cartão Azul deslocou-se até à Aldeia Portuguesa do Hóquei em Patins para falar com Gonçalo Santos, um atleta que se transferiu esta época da equipa Leonina para o HC Turquel.


CA – Bom dia Gonçalo. Como está a ser encarado o jogo do próximo sábado?
GS – Bom dia. O jogo está a ser encarado como mais um jogo na nossa caminhada para o título, mas que poderá ser o jogo que nos confirma na 1ª divisão na próxima época. Claro que para mim é um jogo especial pois vou novamente defrontar o clube que representei durante 12 anos.
CA – O Turquel é líder incontestado da prova, acreditas que é esta época que a equipa "mata o borrego" e consegue à subida à I Divisão?
GS – Sim, e sempre acreditei e por acreditar neste clube e no que se pretendia para esta época que decidi vir representar o HCT.
CA - Olhando para a tabela classificativa e caso o Sporting CP vença os dois jogos em atraso, fica apenas a um ponto de distância. Depois do que se viu na Taça de Portugal e apesar de serem jogos de contornos diferentes, podemos dizer que o facto de receberem os Leões em Turquel faz com que vocês sejam os principais favoritos à vitória na Zona Sul?
GS – Vamos lutar por esse lugar, que nos pode levar a disputar o campeão nacional. Esse sim será o grande momento para terminar uma grande época que estamos a realizar. Porque dizer que o campeonato é fraco e nivelado por baixo, é para quem se sente frustrado, para mim existiu um Turquel e um Sporting muito fortes.


CA – Voltando ao jogo de sábado, para ti que já representaste os dois emblemas, como é encarado um jogo destes?
GS – É um clássico entre os melhores clubes da zona centro. Já subi no outro lado e agora poder subir aqui é o que mais motiva. E são estas conquistas que me dão motivação para dar o meu melhor no clube que represento. E este sábado vou defender o Turquel dentro de campo como se o Tomar não me dissesse nada. Mas toda a gente sabe que o Sporting de Tomar está no meu coração. Mas é no HCT que estou e é aqui que vou ser muito feliz esta época.
CA – Nas ultimas épocas o HC Turquel tem vencido em Tomar e em Turquel, achas que esse factor será importante para o desfecho do jogo de sábado, ou não passa apenas de um factor estatístico?
GS – Dá uma motivação extra de querer continuar nessa senda de vitórias, e do outro lado deve existir uma vontade de dar a volta. Peço desculpa a todos os Tomarenses mas ainda não vai ser desta pois para nós este jogo é mais que uma vitória, é uma subida de divisão.


CA - Como estás a ver a campanha do SC Tomar esta época?
GS – Tem sido uma campanha muito positiva. Apesar que na segunda volta estão a perder um pouco da força que tinham vindo a mostrar.
CA – A saída do Tiago Monteiro veio fragilizar a equipa, ou o plantel à disposição do Nuno Lopes tem qualidade e soube superar essa contrariedade, e os resultados menos positivos nas últimas jornadas são reflexo dessa saída?
GS – Sim, o Tomar já não tinha um plantel muito grande a nível de quantidade de jogadores, com a saída do Tiago, claro que ficaram fragilizados. Mas conhecendo as pessoas e o clube como conheço não vão virar a cara á luta até final.
CA – O Nuno Lopes foi teu treinador durante muitas épocas, como o Cartão Azul noticiou a semana passado, o Nuno vai continuar à frente dos destinos do SC Tomar, o que apraz dizer sobre esta continuidade, e o que a mesma traz para a equipa Leonina?
GS – Fico feliz por ele e ao mesmo tempo pelo clube porque continua um trabalho que já deu frutos e vai continuar a dar.


CA – Mais uma vez obrigado pela tuda disponibilidade, e fica o espaço aberto para alguma mensagem que queiras deixar aos adeptos do Turquel em particular e do hóquei em geral, e claro aos visitantes do Cartão Azul
GS – Agradeço mais uma oportunidade de poder colaborar com este grande Blog. Aos adeptos do HCT peço que venham nos apoiar pois a qualquer momento podemos todos juntos festejar o tão desejado regresso à primeira divisão. 

Fotos: HC Turquel e Pedro Alves

Sem comentários: