quinta-feira, 10 de Maio de 2012

FORMAÇÃO ALIMENTA O LEÃO

O Sporting está de volta ao convívio dos grandes do hóquei em patins, terminando o que pode ser considerada uma verdadeira “travessia do deserto”.
 
 
Em 2002/03, o clube foi despromovido ao escalão secundário e optou por extinguir a equipa sénior – que só voltou há dois anos –, concentrando todas as energias na formação. E foi através da garra dos Leõezinhos que conseguiu renascer das cinzas, formando jogadores de qualidade que ajudaram a garantir duas subidas consecutivas que colocam o emblema verde e branco, novamente, na elite da modalidade.

Gilberto Borges, presidente da secção do hóquei leonino, exulta com a promoção, elogia os jogadores, mas esclarece que a subida estava longe de ser prioridade. “Não lhes foi pedida a 1.ª Divisão. Foi-lhes pedido que dignificassem a camisola e tentassem estar ao melhor nível, mas eles tiveram a ambição de subir”, esclarece o dirigente, satisfeito por terem sido “delineados objectivos quando o clube voltou ao hóquei e eles terem sido ultrapassados, com uma equipa que mistura experiência e juventude”.

Joaquim Paulo in Jornal Record

Sem comentários: